Ir para o conteudo

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA DO TÓRAX

PREPARO

Pacientes portadores de asma ou bronquite, que façam uso de bombinha, que tenham alergias a frutos do mar, abacaxi ou que apresentaram alergia grave a alguma substância deverão realizar preparo antialérgico. 

Necessário entrar em contato com nossa equipe de atendimento para avaliação e informações sobre o preparo que deverá ser realizado.

DIETA:

Necessário realizar jejum de 04 horas antes da realização do exame.      

MEDICAÇÃO:

Sem restrição. Não suspender a medicação nem mesmo durante o jejum.  

  * Pacientes com Insuficiência Renal que fazem hemodiálise, deverão realizar o exame sempre antes da hemodiálise (no mesmo dia).

  * Pacientes com Insuficiência Renal que não fazem hemodiálise, deverão trazer à clínica (ou enviar por email) o resultado de exames de Ureia e Creatinina realizados até 3 meses antes para análise de nosso médico radiologista.  Determinadas alterações nas taxas podem ser impeditivas para realização do exame.

 * Não há a necessidade de suspender a Metformina antes do exame. Suspender apenas por 48 horas após nos casos de Insuficiência Renal aguda ou crônica (IRA ou IRC) dos tipos IV e V.

OBSERVAÇÕES GERAIS:

* Chegar 20 minutos antes do horário marcado.

* Menores de 18 anos devem estar acompanhados de um responsável legal.

* É recomendado estar com os cabelos secos para a realização do exame.

* Evitar vir de relógio, jóias, bijuterias, roupas com zíper e botão de metal.

* Trazer exames anteriores relacionados com a região que será examinada.

NÃO SÃO PERMITIDOS PARA A REALIZAÇÃO DO EXAME:

* Grampos de aneurisma cerebral (Se o grampo for de titânio é permitido. O paciente deverá trazer a autorização do médico).

* Implantes e aparelhos oculares (exceto lentes intraoculares para catarata).

* Implantes de ouvido (cocleares).

* Marcapasso cardíaco.

* Fixadores ortopédicos externos.

* Gestantes com menos de 12 semanas de gestação.

SÃO PERMITIDOS PARA A REALIZAÇÃO DO EXAME:

* Clipes utilizados em cirurgias de vesícula biliar.

* Próteses valvares cardíacas (incluindo as metálicas).

* Implantes ortopédicos (exceto os fixadores externos).

* Derivação ventrículo-peritoneal.

* Dispositivo intrauterino (DIU).

* Stents vasculares (somente após 08 semanas de sua colocação).